• Eterno Inconformado
  • Eterno Inconformado
  • 4 de jun de 2014

    #75 Meu anseio

    Meu anseioQuais desejos tem tomado conta do teu coração? Receber cargos ou títulos? Pregar bem para ver a igreja “pegar fogo”? Ser alguém que as pessoas olhem e admirem por aquilo que você mostra ser? Um amor que te faça feliz para a vida inteira? Um ajudador de pessoas que quer cada vez mais se envolver na obra do Senhor sem querer receber nada em troca? Estudar, trabalhar e fazer tudo o que vier às tuas mãos para a glória de Deus e não tua própria? São tantas perguntas, vários anseios e dúvidas muitas vezes acompanhadas de dores, de lágrimas, de incertezas, mas em meio a esse turbilhão de sensações, há uma certeza: Deus é bom, Ele quer o melhor para nós. E mais do que isso, Ele quer nos usar como instrumentos para realizar Sua grande obra aqui na terra neste tempo! E o que nós queremos? O mesmo que Ele? Prossigamos...

    01. O que pedimos a Deus?
    “Naquela noite, o Senhor Deus apareceu num sonho a Salomão e perguntou: - O que você quer que eu lhe dê? Ele respondeu: - Tu sempre mostraste grande amor por Davi, meu pai, teu servo, e ele era bom, fiel e honesto para contigo. Tu continuaste a mostrar a ele o teu grande e constante amor e lhe deste um filho que hoje governa no lugar dele. Ó Senhor Deus, tu deixaste que eu ficasse como rei no lugar do meu pai, embora eu seja muito jovem e não saiba governar. Aqui estou eu no meio do povo que escolheste para ser teu, um povo que é tão numeroso, que nem pode ser contado. Portanto, dá-me sabedoria para que eu possa governar o teu povo com justiça e saber a diferença entre o bem e o mal. Se não for assim, como é que eu poderei governar este teu grande povo? Deus gostou de Salomão ter pedido isso”
    {1 Reis 3:5-10 - NTLH}

    A Bíblia nos relata que o Senhor Deus apareceu a Salomão, ainda jovem na época, perguntando-o o que ele desejava. Salomão lembrou-se do amor, da fidelidade e honestidade de Deus para com Davi, seu pai, e viu que o que ele precisava era sabedoria e não outras coisas! O Senhor se agradou de ouvir isso da boca de Salomão! Ele não quis riquezas, vitórias ou outras coisas. Ele quis entendimento para fazer coisas justas, agradáveis a Deus. O Senhor concedeu sabedoria a Salomão de uma forma fantástica! Recomendo que leia os livros de Provérbios, Eclesiastes e Cantares para você ter uma noção. =]

    02. O que queremos fazer com nossas vidas?
    Um trecho muito interessante de uma certa canção diz o seguinte:

    “... Não quero querer nem quero ter, só quero ser o Teu querer. [...] Nem preciso mais saber pra onde vou ou quanto tempo ainda falta pra chegar, pois eu sei de alguém que encontrou o seu lugar, e esse alguém sou eu ...”
    {Canção: Guia-me // Interpretação: Daniela Araújo // Composição: Daniela Araújo e Leonardo Gonçalves}

    Nossos propósitos de vida, de uma forma geral, não podem estar centrados em planos aqui na terra. Certo que estudar, trabalhar, formar uma família são coisas necessárias, mas não devem ser nosso principal foco de vida. Para ser diferente, devemos nos dispor nas mãos de Deus de total forma que Ele faça conosco o que desejar, nos levando para o centro da Sua soberana e linda vontade a cada dia mais. Por mais que dúvidas, temores e receios insistam em vir à mente, nos preocuparmos com o futuro não mudará nada! Ações e escolhas direcionadas por Deus (não pelo nosso próprio coração), essas sim mudarão! Logo, nosso lugar é com Deus, vivendo por Ele e para Ele mais e mais e, se necessário for, abrir mão dos nossos próprios projetos por amor à Sua obra é necessário e mesmo que você não entenda, vale a pena! :)

    03. Desejos por amor a Deus e ao próximo
    Não sei se é impressão, mas tenho visto várias pessoas que desejam ser pregadores eloquentes, pastores influenciadores e, muitas vezes, se não tivermos cuidado, a soberba pode querer fazer morada no coração, o orgulho de ser alguém que Deus honrou e isso é destrutivo... Nossos maiores anseios não devem focar em nós mesmos, mas sim em querer nos achegar mais a Deus, a desfrutar da Sua graça sem fim e leva-la a outras pessoas que a desconhecem.  Não é necessário ser pregador, pastor, missionário ou ter qualquer outro título, nem ter idade suficiente para fazermos a obra que o Senhor quer que façamos. Não vamos cobiçar glória nem reconhecimento humano, mas sim almas para o Senhor Jesus, vidas que estão se perdendo, necessitando de ajuda mundo afora e que podem receber palavras de ânimo, de salvação, de vida a qualquer momento. O que precisamos fazer é desejar fazer isso, e mais do que desejar, agir, trabalhar com as ferramentas (dons e recursos) que o Senhor Jesus nos concede para realizar Sua obra grandiosa. Ore, interceda, aja. Use os estudos, as oportunidades de trabalho, os passeios, enfim... tudo o que Deus te dá como chance, aproveite e faça o melhor possível, buscando ajudar quem precisa e se capacitando para ajudar pessoas mais à frente, seja ainda no presente ou no futuro.

    “Tudo o que você tiver de fazer faça o melhor que puder [...]”
    {Eclesiastes 9:10a - NTLH}

    O Senhor te abençoe e te guarde em nome do Senhor Jesus! =
    Mais textos de Exortação:

    Baiano, nascido em 1995 e fácil de ser caricaturado por ser barbudo e parecer um nerd. Não tem conta no FB e ainda não aprendeu a gostar do Whats. Além de gostar de psicologia e de coisas fora do comum, tem como hobbies escrever, fazer arte e mexer com códigos de programação. Depois de ser achado por Cristo, descobriu o sentido da palavra felicidade. Se encontrá-lo por aí, no mínimo, ouvirá que Deus é bom, muito bom! =]

    • Blogger
    • Disqus

    Seja o primeiro a comentar!

    Deixe teu comentário!

    Conte-nos algo sobre o texto! Será um prazer ouvir você! =]

    Topo