• Eterno Inconformado
  • Eterno Inconformado
  • 3 de mar de 2016

    #159 Culto, Consultório ou Escambo?

    Venham, venham! Após o convite, as mãos se abaixaram. O triste sonho concretizou-se verdade. A mente resvalou e o diálogo fluiu. Entre o discurso de autocomiseração e o imbróglio paladínico, as cordas e o bumbo agora soam mais alto. A acusação é séria. Me vi atônito perante a realidade. Não quero perguntar o que você veio buscar, mas o que temos a oferecer. No intervalo de reflexões te pergunto: se os irmãos primitivos discipulavam a fundo[1], por que os evangélicos de hoje insistem em fazer da igreja um lugar que tenta gerar vida apenas na superfície?

    “Persiste em ler, exortar e ensinar, até que eu vá.”
    {1 Timóteo 4:13}

    Se o propósito (e título) das nossas reuniões em igrejas durante a semana é “culto” por que a maioria das mensagens propagadas enfatizam nossos próprios desígnios e não os de Deus? Se não conhecermos a verdade contida na Bíblia (de que somos miseráveis restaurados pela misericórdia do bom Pai e de que Ele nos orienta a viver em santidade, negar nosso eu, amá-Lo de todo nosso entendimento, alma e coração e ao nosso próximo como a nós mesmos, anunciar Sua salvação e a mensagem de arrependimento e que ainda assim poderemos passar por momentos de dor, mas certos de que Ele voltará para buscar Seu povo para estar com Ele para sempre em Seu reino) corremos seriamente o risco de confundir o cultuar a Deus com um centro psicológico de ajuda para meus problemas pessoais ou ainda com relações de troca como se Ele fosse obrigado a nos dar o melhor (em termos materiais e egoístas) deste mundo; o risco de errarmos ao ponto de desejar receber demais e se entregar de menos (uma entrega sem desejo de retorno). O culto é exclusivamente feito para Deus e o foco de tudo realizado nesse momento é exaltar Sua soberania seja nas canções, na ministração da Palavra ou qualquer outro momento litúrgico.

    religião culto consultório escambo discipulado heresias igreja moderna

    Recentemente ouvi um relato de jovens muçulmanas que optaram por deixar de lado uma congregação de rótulo cristão porque as pregações eram sempre as mesmas, enfatizando prosperidade, vitórias e bênçãos. Coisas do determinismo. Minha intenção não é questionar a mudança de caminho das agora muçulmanas; citei o caso delas porque o tema deste texto já estava anotado há certo tempo e quando ouvi esse testemunho pensei ter tudo a ver com o que estamos falando.

    “Conjuro-te, pois, diante de Deus, e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, na sua vinda e no seu reino, que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina. Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências; e desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas. Mas tu, sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faze a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério.”
    {1 Timóteo 4:1-5}

    P.S.: É sabido que cada cristão tem o chamado de anunciar o Evangelho como ele é e anunciar o arrependimento bem como a volta triunfal de Cristo. Não obstante, a equipe do Eterno Inconformado tem como missão se recusar diante da triste realidade de falsas pregações em igrejas modernas e do contexto social em que estamos inseridos frente a nós mesmos e ao nosso próximo. Exaltar a soberania e a bondade de Deus também é meta. Esporadicamente, alguns artigos publicados aqui contêm mensagens de encorajamento e alcunha social, todavia diante de tudo isso que vem sendo dissipado de forma deturpada igrejas afora, entendemos que o Evangelho de Cristo não consiste (e nunca consistiu) em promoção, autoajuda e motivação para realização de sonhos pessoais. A Bíblia nos orienta a consolar, chorar juntos, orientar, suportar[2], mas não focar tudo isso em nossos próprios interesses, mas nos do Reino de Deus (e não dos homens).

    “Mas o que profetiza fala aos homens, para edificação, exortação e consolação.”
    {1 Coríntios 14:3}

    Que o Eterno nos ensine e isso não fique apenas em letras, para Sua glória.
    Deus te abençoe e te guarde em nome de Jesus.

    [1] Conforme Atos dos Apóstolos 5:42 e 11:26
    [2] Conforme 1 Tessalonicenses 4:17-18, Romanos 12:15, 2 Timóteo 2:24-26 e Colossenses 3:12-14.
    Mais textos de Exortação:

    Escrito por:Vítor Macedo

    Baiano, nascido em 1995 e fácil de ser caricaturado por ser barbudo e parecer um nerd. Não tem conta no FB e ainda não aprendeu a gostar do Whats. Além de gostar de psicologia e de coisas fora do comum, tem como hobbies escrever, fazer arte e mexer com códigos de programação. Depois de ser achado por Cristo, descobriu o sentido da palavra felicidade. Se encontrá-lo por aí, no mínimo, ouvirá que Deus é bom, muito bom! =]

    • Blogger
    • Disqus

    Seja o primeiro a comentar!

    Deixe teu comentário!

    Conte-nos algo sobre o texto! Será um prazer ouvir você! =]

    Topo