• Eterno Inconformado
  • Eterno Inconformado
  • 7 de abr de 2017

    #175 Eu, você, Bartimeu e Jesus: quem é quem?

    Costumava me ver em Bartimeu quando já não mais valorizava a presença do Amado em mim. Mendigava perante as migalhas de uma vida superficial e nebulosa; insípida e pífia como quem corre sem sair do lugar. Já me vi como Bartimeu várias vezes... escrevendo as mesmas linhas e andando em círculos. Eu já ouvira falar de Jesus (quem nunca?), mas, até então, não tinha me encontrado com o Filho de Davi. Sem dúvidas, arrisquei. Nada era mais importante que aproximar-me dEle e vê-Lo. Ali, como Bartimeu, me despiria do meu ego cego (ou cego ego, se você preferir) e me atiraria em Seus braços como se todo o resto não existisse (na verdade, até existe) mas, me perdoe... preciso ver Cristo e, diante disso, tudo mais pode esperar.

    ilustrações Igor Morski

    É claro que priorizar Cristo em Sua essência parece loucura para os transeuntes sem rumo no meio do caminho. Assim como repreenderam Bartimeu enquanto ele gritava desesperadamente por Jesus, as repreensões do mundo moderno só evoluíram um pouco mais em seu retrocesso: satisfação, bem-estar, aceitação (ainda tem toda a parafernália da defesa de igualdade de gênero - em todos seus aspectos -, do laicismo, feminismo, liberalismo, racismo e outros ismos aí)... a lista não finda aqui, infelizmente.

    Da mesma forma que os filisteus não souberam aproveitar sete meses com a Arca da Aliança (símbolo da presença de Deus), somos impelidos a não mais temer o Mestre. Na verdade, o mundo nos ensina a temer tudo e todos, exceto o Altíssimo e Soberano Absoluto. Obede-Edom é uma inspiração positiva: ele teve menos tempo com a presença de Deus em seu lar, mas soube desfrutar muitíssimo tempo daqueles preciosíssimos três meses (leia 1 Sm 6:1 e 2 Sm 6:11).

    O problema torna-se ainda mais sólido e inadmissível quando nos acostumamos e ficamos como lagoftalmos a dormir com os olhos abertos. Nos acostumamos com a ministração da Palavra, mas não nos movemos nem nos confrontamos, como se a pregação entrasse em um ouvido e saísse no outro. Pensamos muito no que Jesus pode fazer por nós, mas não nos damos, despretensiosamente, para Ele. Olhamos ávidos para os erros alheios, e não ponderamos os nossos. Acreditamos que a mensagem serve para outros, mas nunca a nós mesmos (exceto se for algo que nos agrade). Olhamos para coisas inúteis e transitórias enquanto desviamos nosso olhar da cruz. Decida, de uma vez por todas, sem procrastinar respostas, se Jesus é tudo ou se Ele é nada para você.

    “A candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo o teu corpo terá luz; se, porém, os teus olhos forem maus, o teu corpo será tenebroso. Se, portanto, a luz que em ti há são trevas, quão grandes serão tais trevas! Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar um e amar o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom.”
    (Mateus 6:22-24)

    Toda vez que a Bíblia menciona visão ou encontro com Deus, há algum tipo de mudança: o próprio Bartimeu que teve olhos abertos, Saulo que caiu do cavalo e teve as escamas arrancadas de seus olhos após três dias, Isaías que se julgou indigno e impuro após ter visto a glória de Deus e outros relatos mais. É impossível permanecer sendo a mesma pessoa, após ver Jesus e estar com Ele (leia Lucas 24).

    📖 Leia: Lucas 18:35-43
    🎧 Escute: Só Quero Ver Você

    Por favor, cara, te peço que, desesperadamente, você anseie vê-Lo e abraça-Lo! Diante de tamanha grandeza e amor, será algo, no mínimo, sem palavras (imagine o abraço)!!

    Que teu coração pegue fogo ao pensar em Jesus!
    Que Ele te abençoe e te guarde. E, você, continue subindo! =]
    Mais textos de Exortação:

    Escrito por:Vítor M. Fagundes

    Baiano, nascido em 1995, curte escrever (de textos incomuns a códigos de programação) e, para ele, o normal é não ser normal. Depois de ser achado por Cristo, Vítor descobriu o que é viver e o que é a felicidade plena. Se encontrá-lo por aí, no mínimo, ouvirá que Deus é bom, muito bom! =]

    • Blogger
    • Disqus

    Seja o primeiro a comentar!

    Deixe teu comentário!

    Conte-nos algo sobre o texto! Será um prazer ouvir você! =]

    Topo